Casa N – Casa Cor 2016

Residencial
bcmf-casacor2016-img-jb-001
bcmf-casacor2016-img-jb-003
bcmf-casacor2016-img-bd-003
BCMF1605-MK-GIF-ISO-DIAGRAMA-R01
bcmf1605-mk-gif-iso-explodidas

LocalizaçãoPampulha, Belo Horizonte, MG
Ano 2016
Autores Bruno Campos, Marcelo Fontes, Silvio Todeschi
Equipe Patrícia Bueno, Isabel Melero, Marcos Guimarães,
Raquel Duarte
Área  230 m²

Projetos Complementares
Painéis em concreto Laminar: Laminus
Projeto Elétrico, Hidro Sanitário, GLP: Green Gold
Piscina: Igui
Perfis Metálicos: Arcelor Mittal
Gradil: Belgo Cercas e Cia
Vidro: Divinal
Esquadrias de alumínio
Portas de madeira: Madepal
Ferragens: Altero
Serralheria: JL Serralheria
Painéis em Tela Solar: Criativa
Pergolado / Brise de alumínio: Hunter Douglas / Instalação: Cota Mascarenhas
Tintas / Revestimentos: Novacolor

Equipe Casa Cor Minas: Eduardo Faleiro, Felipe Fortes, João Grillo, Luisa Grillo, Junia Nocchi, Juliana Grillo, Jussara


Conceito
Casas pré-fabricadas não gozam exatamente de uma boa reputação, já que usualmente são associadas a materiais baratos e padrões inferiores de construção. Mas na verdade, desde o início do século xx até hoje em dia, os melhores arquitetos sempre se debruçaram sobre esse tema, explorando a miríade de possibilidades que a industrialização pode oferecer para a habitação do futuro.

A idéia é antiga, e uma rápida pesquisa nos exemplos de verdadeiras obras primas préfabricadas, desde meados do século passado até hoje, nos revela uma riqueza imensa de alternativas práticas e atrativas. A visão e a tecnologia existem, e existem há muito tempo. Então por quê essas soluções não estão sendo largamente construídas, como poderiam?

A casa n é um protótipo desenvolvido pela bcmf Arquitetos para a casa cor Minas 2016. O projeto pretende servir de laboratório para o desenvolvimento de um sistema construtivo industrializado que possa ter uma aplicação mais ampla, diversificada em termos de escala, tipologia e design, produzindo “em série”, mas de forma “customizada”, os mais variados projetos nos mais variados contextos.

Casa n
O protótipo na CASA COR O projeto da casa n é o resultado de vários estudos sobre essa temática do “pre-fab”, que culminaram em um protótipo que é o arranjo de um sistema feito exclusivamente para a casa cor Minas. Esse sistema é composto basicamente por oito módulos de tamanho padronizado (7 x 3 x 3m), que são completados por outros componentes menores, configurados de acordo com a geometria e orientação do terreno. Varandas, terraços, piscina, pérgulas e esquadrias amplase recuadas ajudam a criar áreas de transição e integrar o interior ao exterior.

Os espaços internos são organizados em sequência linear a partir da entrada principal. Os afastamentos entre os blocos servem para estabelecer uma setorização clara e garantir luz natural, circulação de ar e a privacidade entre os setores, criando também mini-pátios que se abrem para os banheiros dos quartos. O longo eixo que conecta de leste a oeste os 8 módulos, orientados para o jardim ao Norte, é tratado como um espaço próprio, com jardim de inverno, mini-escritório, lavabo e estantes, e não um mero corredor de circulação.

A casa foi produzida com o apoio da Laminus Engenharia, detentora da patente de um novo modelo estrutural, a “estrutura multi-laminar de concreto ”. Trata-se de um sistema modular de painéis de concreto envelopado, bastante flexível em termos de dimensões. Os painéis são feitos com várias lâminas que podem conferir as mais diversas especificidades e espessuras, e podem sair já montados da fábrica ou serem montados no local. A aplicação dessa tecnologia exclusiva nos permite uma série de vantagens em termos de performance, acabamento e logística, além de permitir uma infinidade de combinações estruturais e espaciais.

“ Para qualquer arquiteto, ter um projeto construído é sempre uma satisfação. Nesse sentido, encaramos o evento da Casa Cor Minas como uma oportunidade única para investigar e materializar temas que nos interessam de alguma forma. Para nós da BCMF, que temos trabalhado nos últimos anos principalmente em projetos de grande porte e complexidade, que demoram anos para serem construídos, é um prazer adicional ver um projeto sair do papel de forma quase instantânea.”